Dólar opera em alta, após alcançar R$ 4

Após três meses da recuperação, SC-390 recebe os primeiros remendos
27 de março de 2019
Homem morre vítima de febre amarela em Santa Catarina
28 de março de 2019

O dólar opera em alta nesta quinta-feira (28), chegando a alcançar R$ 4 no início da sessão. Os investidores continuam de olho nas tensões políticas entre Executivo e Legislativo, e nas negociações para a reforma da Previdência.

ANÁLISE: por que a ‘queda de braço’ na política assusta os mercados

Às 10h41, a moeda norte-americana subia 0,21%, vendida a R$ 3,9627. Veja mais cotações. Logo na abertura da sessão, chegou a R$ 4,0156, cotação máxima do dia até o momento.

O dólar fechou em forte alta na quarta-feira (27), subindo 2,27%, a R$ 3,9548. Foi o maior patamar de fechamento desde 1º de outubro, quando encerrou a sessão cotado a R$ 4,0174.

A tensão política que já se prolongava desde a semana passada se deteriorou de vez no fim da quarta-feira, depois que o presidente Jair Bolsonaro e o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ) voltaram a trocar farpas publicamente.

Em entrevista à TV Bandeirantes no fim da tarde, Bolsonaro disse que Maia estaria “abalado por motivos pessoais”, em possível referência à prisão do ex-ministro Moreira Franco, padrasto de sua esposa, na semana passada.

Maia rebateu, afirmando que “abalados estão os brasileiros, que estão esperando desde 1º de janeiro que o governo comece a funcionar”, acrescentando que o presidente está “brincando de presidir o Brasil”. (Fonte: G1)

Posts Relacionados

Deixe uma resposta