Laguna tem a gasolina mais cara da região

Corpo é encontrado boiando em lagoa de Capivari de Baixo
4 de fevereiro de 2019
Matrículas seguem até esta quinta-feira
4 de fevereiro de 2019

Os motoristas que usam gasolina em Tubarão pagaram, em média, em janeiro deste ano, R$ 3,96 pelo litro do combustível. Esse preço é o mais baixo desde março do ano passado, segundo informações disponibilizadas pela Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP).

Em março, quem abasteceu usando gasolina pagou, em média, R$ 3,98 nos postos da Cidade Azul. Antes disso, o valor mais baixo registrado no município foi de R$ 3,93, em dezembro de 2017. Vale lembrar que essa média é feita com base na pesquisa realizada em dez postos de Tubarão pela ANP.

Em janeiro deste ano, o valor mais baixo encontrado pela ANP nos postos pesquisados no município foi R$ 3,84. Em algumas redes, era possível encontrar a gasolina por um preço ainda mais baixo, pagando à vista ou com o uso de aplicativos. Já o valor mais caro era R$ 4,31.

O valor médio da gasolina em Tubarão foi o segundo mais caro da região Sul do Estado neste começo do ano. Laguna aparece no topo, com o combustível custando, em média, R$ 3,99. Na Cidade Juliana, o preço mais barato praticado nos postos foi R$ 3,88, enquanto o mais caro foi R$ 4,09, de acordo com a ANP.

Em Criciúma, o preço médio da gasolina no primeiro mês de 2019 foi R$ 3,88, quase dez centavos a menos que em Tubarão. Em Araranguá, o valor foi R$ 3,91.

A Petrobras anunciou, na última sexta, uma redução de 1% no preço da gasolina negociada em suas refinarias. O litro do combustível está sendo vendido a R$ 1,4758 para as distribuidoras. O último anúncio de queda no preço da gasolina havia sido feito no dia 30 de janeiro, quando o combustível caiu de R$ 1,51 para R$ 1,49.

Fonte: Jornal Diário do Sul

Posts Relacionados

Deixe uma resposta